cacwhere

Posts Tagged ‘Vancouver’

Goodbye Vancouver

In Vancouver 2010 on 01/03/2010 at 00:36

Reprodução: Damien Strohmeyer / SI

Chegou a hora de dizer adeus aos Jogos Olímpicos de Vancouver.

Foram 17 dias ininterruptos de esportes, atletas fantásticos e muita superação.

A festa que começou com a triste notícia da morte de Nodar Kumaritashvili, atleta de luge da Geórgia, se encerrou hoje com a espetacular final do hockey masculino, entre os rivais Canadá e Estados Unidos.

E pra delírio da nação canadense, a equipe comandada pela estrela da NHL, Sidney Crosby, venceu na prorrogação, após um fim de jogo sensacional.

Faltando 24 segundos para o fim do terceiro período, e perdendo por 2-1, a equipe americana conseguiu empatar o jogo e forçar a prorrogação.

Daí brilhou a estrela do até então apagado Crosby, que passados pouco mais de 7 minutos do período extra, fez o gol que deu o ouro aos canadenses.

Esse foi o 14º ouro dos canadenses em Vancouver, um recorde de um país em uma única edição dos Jogos Olímpicos de Inverno. Mais impressionante ainda, o fato de 4 destas 14 medalhas de ouro terem sido conquistadas nos últimos 2 dias dos Jogos.

O Canadá liderou o quadro de medalhas com 14 medalhas de ouro, 7 de prata e 5 de bronze, totalizando 26 medalhas.

A equipe americana liderou o “falso” quadro de medalhas (utilizado pelo site oficial dos Jogos) com 37 medalhas (também recorde de um país em uma única edição dos Jogos), mas apenas 9 delas douradas, terceira melhor marca em Vancouver, atrás de canadenses e alemães.

A Alemanha, que liderou o quadro de medalhas em Turim, tanto em número de medalhas, quanto em ouros, terminou em segundo com 10 ouros, 30 medalhas no total.

Minha aposta para liderar o quadro de medalhas, a Noruega, fez bonito e também conseguiu os mesmos 9 ouros dos americanos, mas um menor número de medalhas de prata e bronze.

Destaque para a Coreia do Sul, 6 ouros, 14 medalhas no total, quinta colocada no quadro de medalhas, e país mais bem colocado fora do eixo América do Norte/Europa, e para a Suíça, que também conseguiu os mesmos 6 ouros da equipe coreana, porém apenas 9 medalhas.

Veja abaixo os 10 primeiros colocados no quadro de medalhas dos Jogos de Vancouver (classificação feita com base no número de medalhas de ouro):

Posição  País                  Ouro      Prata    Bronze     Total de Medalhas

1     Canadá                    14              7            5                         26

2    Alemanha                10             13           7                         30

3       EUA                        9              15          13                       37

4    Noruega                    9               8            6                        23

5  Coreia do Sul              6               6             2                        14

6     Suíça                         6               0             3                        9

7    China                         5               2             4                        11

7    Suécia                        5               2            4                         11

9    Áustria                      4               6            6                         16

10  Holanda                    4                1            3                         8

Potência olímpica, a Rússia decepcionou e somou 15 medalhas: 3 de ouro, 5 de prata e 7 de bronze.

Também merecem destaque as duas medalhas de prata conquistadas pela Letônia, e as medalhas, também de prata, conquistadas por Estônia e Cazaquistão, países sem muita tradição nos Jogos.

A Grã-Bretanha quebrou uma escrita que já durava mais de 30 anos, e levou seu primeiro ouro desde então, o que viria a ser a única medalha britânica dos Jogos.

Nenhum país das Américas do Sul e Central, e da África ganharam medalhas.

A Austrália fez boa campanha e abocanhou 3 medalhas, 2 delas de ouro, as únicas do continente oceânico.

Dentre os principais momentos dos Jogos, menção especial para os 2 ouros canadenses no hockey (masculino e feminino) e o ouro invicto da equipe canadense masculina de curling, esporte que também viu a Suécia levar o bicampeonato no feminino, derrotando as canadenses em uma final emocionante, decidida na última jogada do End suplementar.

A equipe coreana levou pra casa 5 ouros na patinação de velocidade, e poderia ter levado 6, não fosse uma desclassificação (absurda, por sinal), no revezamento de 3000 m.

O letão Martin Dukurs (meu favorito, por sinal) levou a prata no Skeleton, ficando apenas 7 centésimos atrás do canadense Joe Montgomery, em um dos eventos mais emocionantes dos Jogos de Vancouver. Seu irmão Martins Dukurs ficou na quarta colocação.

A musa americana Lindsey Vonn levou 2 medalhas pra casa, 1 de ouro e 1 de bronze.

A lenda Apolo Ohno levou mais 3 medalhas pra sua coleção de agora 8 medalhas olímpicas, 1 prata e 2 bronzes.

A canadense Joannie Rochette levou o bronze na patinação artística apenas alguns dias após sua mãe falecer de um ataque cardíaco. Emocionada, a atleta foi a responsável por carregar a bandeira canadense na cerimônia de encerramento dos Jogos.

Pra encerrar, deixo a vocês uma frase que define muito bem o que foram os Jogos de Vancouver, dita por Kevan Gosper, membro australiano do COI:

“These games started out with a nightmare and ended up with a golden dream”.

Algo como “Estes jogos começaram como um pesadelo e se encerraram como um sonho dourado”.

Bem, é hora de dizer adeus a Vancouver. E eu vou sentir saudade.

Nos vemos em Sochi, cidade russa e próximo destino dos Jogos Olímpicos de Inverno.

Contos de Sábado à Noite

In all sports on 21/02/2010 at 01:28

Photo: Google Images

Nem bem escureceu e cá estou eu na frente da tv, pronto pra zapear até o sono bater.

Entre a internet e a TV, vou comendo, twittando, lendo e vendo o que de mais interessante a programação me reservou.

Sábado não é dos melhores dias pra TV.

As corridas mais legais são aos domingos, os principais jogos também.

Até as séries, aos sábados são 90% reprises.

A noite começou aqui no PC, checando os resultados da tarde dos estaduais.

Cruzeiro bateu o Galo em Minas (novidade, né?).

Corinthians só empatou com o Rio Branco, Portuguesa ganhou e a Ponte Preta perdeu.

No RS o Grêmio bateu o Inter. O de Santa Maria.

Dei um tempo e fui ao supermercado.

Na volta, hora de checar os resultados do College Basketball.

Pra minha felicidade Purdue venceu Illinois (75-65), mas Kentucky também (58-56), então nada de subida de ranking para os Boilermakers esta semana.

Enquanto isso na TV, o dia era todo dos Jogos de Vancouver.

A Holanda levou ouro na patinação de velocidade masculina.

Eu até comentei no twitter, eles devem ter algum gene especial pra patinar. Toda vez um holândes ganha, incrível.

Como não tinha Curling na TV (o jogo das vassourinhas) fiquei vendo o Bobsleigh (pronúncia popular: bobsled) , aquele do filme Jamaica Abaixo de Zero.

Bem bacana assistir estes esportes olímpicos.

Como eles só ganham destaque essa época do ano, eu aproveito pra acompanhar todos os esportes possíveis.

Depois de mais umas twittadas, troquei de canal e conferi um pouco dos desfiles das campeãs do carnaval carioca. Pra falar a verdade, só vi um pedaço da minha escola, o Salgueiro.

Fui tomar banho às 23:58, e quando voltei…voi là, era 23:10.

Fim do horário de verão, tinha me esquecido completamente.

Voltei do banho e pude ver que o Toronto Raptors tinha derrotado o Washington Wizards na NBA, 109-104.

Peguei mais Coca-Cola e voltei a zapear a TV. Nada batia os Jogos de Vancouver.

Mais um pouco de bobsleigh, mais umas provas de patinação, entro no site oficial dos jogos e descubro que logo mais começa o Curling. (Viva!)

Assumo, o jogo das vassourinhas me conquistou.

Enquanto isso, na NBA, meu Indiana Pacers perdia (novamente), dessa vez para o Houston Rockets, 69-60.

Volto pra acompanhar mais um pouco da patinação.

Incrível como as coreanas patinam. Aliás, a Coréia do Sul é o país fora do eixo Europa-América da Norte mais bem classificado no quadro de medalhas, com 3 ouros. Apenas 5 países tem mais ouros que os coreanos.

Do nada, lembro que hoje tem UFC 110. Coloco no SporTV e acerto em cheio. Estava apenas começando a transmissão.

UFC, Curling, NBA….

O sono que espere.

Rapidinhas

In all sports on 19/02/2010 at 18:49

Photo: Google Images

(Golf) A coletiva de Tiger Woods pode ser resumida em uma frase: “I am deeply sorry”.

(Tennis) Verdboy derrotou Andy Roddick e conquistou o ATP de San José.

(Futebol) O São Caetano goleou o Palmeiras, 4-1.

(Futebol) O mesmo Palmeiras demitiu Muricy Ramalho, e contratou A.Carlos Zago.

(Futebol) A FIFA desmentiu o São Paulo: “Nada de semifinal no Morumbi”.

(Futebol) O Santos lidera com folga o Paulista.

(Futebol) Vasco e Botafogo decidem a Taça Guanabara do Carioca 2010.

(Hockey) A NHL deu uma pausa por causa dos Jogos Olímpicos.

(Hockey) O Washington Capitals ainda é o time a ser batido.

(UFC) O UFC 110 vai ser disputado na Austrália. Minotauro é um dos destaques.

(Nascar) Jamie McMurray venceu Daytona, a primeira prova do ano.

(Nascar) O atual campeão Jimmie Johnson foi apenas o 35º colocado.

(F1) Nos testes em Jerez, leve vantagem para as Ferraris de Alonso e Massa.

(Vancouver) Dobradinha da Noruega no Biathlon masculino.

(Vancouver) Evgeni Plushenko, favorito na patinação, acabou ficando só com a prata.

(Vancouver) O ouro ficou com os Estados Unidos, que lideram o quadro de medalhas.

(Vancouver) Alemanha, Noruega e Canadá disputam o segundo lugar.

(NCAA College Basketball) Kansas lidera o Ranking da AP.

(NCAA College Basketball) Kentucky, Villanova, Purdue e Syracuse fecham o Top 5.

(Tennis) Em Memphis, Haas e Verdasco foram eliminados logo na primeira rodada.

(Tennis) Sampras, Agassi, Federer e Nadal farão jogo exibição pelas vítimas do Haiti.

(Futebol) O Internacional contratou “Pato” Abbondanzieri.

(Vôlei) Minas e Cruzeiro fazem clássico estadual pela Superliga Masculina.

(Vancouver) Prata no luge, David Möller quebrou o dente mordendo a medalha.

(F1) Dos 26 carros que estarão no grid da F1, 4 serão de brasileiros.

(F1) Vitaly Petrov é o nome do novo piloto da Renault.

(F1) Apenas 2 dos 26 cockpits da F1 para 2010 estão disponíveis.

(Futebol) O Manchester United passou pelo Milan na Champions League, 3 a 2.

(Futebol) O Lyon fez 1 a 0 nos galácticos do Real Madrid.

(World Cup) Faltam 111 dias para a Copa do Mundo da FIFA.

I’m Lovin It – II

In all sports on 17/02/2010 at 21:14

Photo: Google Images

A segunda edição do I’m Lovin It traz esportes de inverno, tênis, golf e muito mais.

Vamos direto para o nosso Top 5:

5) ATP Tour

Reprodução: ATP Tour

Todos sabem o quanto eu amo o tênis. Poucos esportes me deixam entusiasmados durante o ano inteiro, e o tênis é certamente um deles.

E o que dizer da briga pelo Top 10? Federer é indiscutivelmente o número 1. Djokovic, Nadal e Murray travam uma bela briga pelo direito de ser o número 2. Ainda tem Del Potro, Davydenko e Roddick no bolo. Logo abaixo Soderling, Tsonga e Cilic completam o Top 10, com Verdasco na cola.

Em março tem os Masters de Miami e Indian Wells.

São 2.000 pontos em jogos para tenistas como Simon e Nalbandian (que voltam de lesões sérias), Youzhny (que voltou a estar entre os 15 melhores do mundo) e o brasileiro Bellucci, que saiu do Top 30 e hoje se encontra na posição 32 do ranking da ATP.

De olho em tenistas que vem crescendo de produção no circuito, como o uzbeque Istomin, o brasileiro Ricardo Mello e o espanhol Juan Carlos Ferrero (ex-número 1 do mundo) que faz uma grande temporada no saibro sul-americano.

4) F1 is back!

Photo: Google Images

Com menos de um mês para a volta da Fórmula 1, eu não poderia estar mais animado.

Schumacher de volta, Alonso versus Massa na Ferrari, Rubens Barrichello na Williams, mais equipes…enfim, novidades que não acabam mais.

A temporada ainda conta com a volta da Lotus, o fim do reabastecimento e a estreia do circuito da Coréia do Sul.

Março nunca pareceu tão distante.

3) Curling

Photo: Google Images

Se você não sabe o que diacho é esse tal de Curling, não se desespere.

Vou dar umas dicas:

Vassourinhas, patinadores, bocha, gelo (risos).

Ok, não foram as melhores dicas do mundo, mas elas ajudam a ilustrar o esporte que volta a ter destaque nos Jogos Olímpicos de inverno.

Em Vancouver, os donos da casa são os favoritos, já que são os atuais campeões olímpicos.

Mas não espere moleza. Suécia, Grã Bretanha, Alemanha, Noruega e Rússia tem muita tradição no esporte, que é conhecido como o xadrez do gelo.

Estratégico e muito mais divertido do que o nome ( e minhas dicas) indicam.

2) A coletiva de Tiger Woods

Photo: Google Images

O melhor jogador de golf do mundo.

Uma esposa traída. Inúmeras amantes.

Patrocinadores desvinculando suas marcas da imagem de Tiger.

Rehab em clínica para viciados em sexo. História digna de filme.

O mundo espera ansiosamente por esta coletiva.

1) Vancouver 2010

Photo: Google Images

E o evento da semana são os Jogos Olímpicos de inverno.

Longe de possuir o mesmo glamour dos jogos de verão, os jogos de inverno são competitivos, um evento repleto de esportes bacanas, alguns curiosos, e gelo. Muito gelo.

Destaque para o Hockey, onde Rússia e Canadá (Go Crosby!) devem duelar pelo ouro, e para a triste notícia da morte de um atleta de Luge, da Geórgia.

Meu palpite para quem vai liderar o quadro de medalhas?

Hum…vou de Noruega.

A Rede Record e os canais SporTV fazem a cobertura do evento. Vale a pena ficar ligado!

I’m NOT Lovin It

1) Grêmio Prudente

Photo: Google Images

Um time que muda de cidade, de nome, e possivelmente de logo e camisa.

Um time da primeira divisão do campeonato paulista e brasileiro de futebol.

Nada como abrir precedentes para que empresários comecem a comprar times falidos e mudem-os para cidades que estejam dispostos a comprar um time.

Ridículo.